AGRONEGÓCIO

Preço do boi gordo em Rondônia; veja a cotação divulgada pela Emater

Veja a cotação nas cidades do estado. Machadinho do Oeste teve melhor valor de mercado na primeira semana de março.

Publicados

em

Clima e exportações fortalecem preço da arroba do boi — Foto: Reprodução/TV TEM

O preço da arroba do boi gordo manteve estabilidade no interior de Rondônia na primeira semana de março. Na cotação divulgada pela Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater-RO), o município de Machadinho do Oeste teve o melhor valor de mercado na reta final do mês: R$ 285 por cada arroba de boi gordo (para pagamento à vista).

Outros 13 municípios registram valores acima de R$ 270 pela arroba de boi gordo.

A cotação da Emater refere-se ao preço médio pago ao produtor rural. Veja, abaixo, os valores em algumas cidades.

Boi gordo à vista em Rondônia

Municípios Preço do @
Alta Floresta do Oeste R$ 278
Alto Alegre dos Parecis R$ 270
Alvorada do Oeste R$ 273,83
Ariquemes R$ 269,98
Cabixi R$ 274
Cacoal R$ 277
Chupinguaia R$ 276,50
Corumbiara R$ 274
Costa Marques R$ 269
Espigão do Oeste R$ 265
Guajará-Mirim R$ 270
Jaru R$ 260
Ji-Paraná R$ 269
Machadinho do Oeste R$ 285
Nova Brasilândia R$ 274
Ouro Preto R$ 275
Pimenta Bueno R$ 273
Pimenteiras do Oeste R$ 268
Porto Velho R$ 275
Rio Crespo R$ 255
Rolim de Moura R$ 266,50
Santa Luzia R$ 266
Vale do Anari R$ 220
Leia Também:  Após ser rendida por ladrões, mulher tem sua Biz roubada durante a noite de quarta-feira em Rolim de Moura
Propaganda

AGRONEGÓCIO

Parceria entre prefeitura de Rolim de Moura e Sebrae promoverá melhoramento genético na pecuária leiteira da região

Publicados

em

Divulgação

Conhecedor que Rolim de Moura (RO) tem na pecuária de corte e leiteira base do agronegócio local, o prefeito Aldo Júlio tem cobrado da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri) que proporcione aos pecuaristas cursos que visam aumentar a produção.

Seguindo as orientações do prefeito e com experiência na área, o secretário municipal de agricultura (Semagri) Dionísio Pereira Braga, “Goiaba” informou que o município de Rolim de Moura vai oferecer nos próximos dias em parceria com o Sebrae que visa o melhoramento genético da pecuária leiteira.

“Já iniciamos as conversas com o Sebrae e iremos oferecer um curso interessante nessa área que vai contemplar 60 pecuaristas do município, pois hoje toda hora tem ferramentas novas que podem melhorar a produção e vamos oferecer isso aos nossos produtores, afirmou o secretário esclarecendo que os interessados em participar serão escolhidos por meio de chamamento público que será realizado pela Semagri”

A parceria será da seguinte forma sobre os custos: o Sebrae entrará com 50%, a Semagri com 30% e o produtor com 20%. De acordo com Samuel Silva de Almeida, diretor técnico do Sebrae, serão realizadas transferências de embrião em 66 matrizes.

Leia Também:  Atendimentos serão suspensos na UPA Sul de Porto Velho para manutenção

Goiaba explicou que essa parceria vai fazer com que ocorra um avanço tecnológico no melhoramento genético na pecuária leiteira com bezerras 5/8 o que vai antecipar a produção do leite. O secretário afirmou que são bezerras quase pura e aclimatadas na nossa região.

A gerente regional do Sebrae em Rolim de Moura, Sirlei Cruz da Silva, lembrou que as parcerias são importantes, pois entre os objetivos do Sebrae está o de contribuir com desenvolvimento sustentável da região.

“Essa ação mostra a preocupação do Sebrae no desenvolvimento empreendedor dos nossos produtores rurais. E neste tempo de pandemia, tão difícil para todos, mas principalmente aos empreendedores, essa parceria vai apresentar excelentes resultados, viabilizando conhecimento aos produtores em uma área tão importante para eles, que é a Inseminação Artificial em Tempo Fixo e Transferência de Embrião, trazendo maior produtividade”, explica Samuel Almeida, Diretor Técnico do Sebrae em Rondônia.

Fonte: Assessoria

Continue lendo

POLICIAL

POLÍTICA

CIDADES

ELEIÇÕES 2020

MAIS LIDAS DA SEMANA